Ouça agora na Rádio

N Notícia

CC BY 2.0 / Pixabay

FOTO: CC BY 2.0 / Pixabay

Ex-presidente-executivo do Google prevê divisão da Internet em duas

O ex-CEO da Google, Eric Schmidt, afirmou durante um evento privado em São Francisco que a Internet se dividirá em duas na próxima década: uma controlada pelos EUA e outra pela China, segundo o canal CNBC.

Informações compartilhadas Sputnik Brasil

O comentário de Schmidt veio após o economista Tyler Cowen lhe ter perguntado se, nos próximos 10-15 anos, a Internet poderia se fragmentar em três ou quatro sub-redes com regulações diferentes e acesso limitado.

"Acredito que o cenário mais provável por enquanto não é uma fragmentação, mas uma bifurcação em uma Internet controlada pela China e outra não chinesa, controlada pelos EUA", respondeu o ex-CEO.

Para Schmidt, a mudança se deverá ao fato de a Internet chinesa e as empresas do país que operam na web estarem se desenvolvendo de "forma fenomenal", constituindo uma grande parte do PIB da China.

"Se olharmos para a China, e eu estive lá recentemente, a escala das empresas e dos serviços que estão sendo criados, a riqueza que está sendo gerada, é fenomenal. A quota-parte da Internet chinesa no PIB do país, que é um número grande, é maior que nos EUA", disse, citado pelo canal.

Segundo Schmidt, os chineses não são apenas "bons na Internet", mas, com o processo atual de globalização, eles conseguem "jogar" na área e acredita que o mundo ainda verá uma "liderança fantástica" do gigante asiático em produção de bens e serviços.

"Há uma real ameaça de que, junto com aqueles produtos e serviços, venha um regime de liderança diferente, com censura, controles etc.", ressaltou o ex-diretor executivo da Google.

Como exemplo, Eric Schmidt citou a iniciativa chinesa Um Cinturão, Uma Rota que envolve 60 países, sendo muito possível que estes países comecem a usar infraestrutura chinesa, perdendo parte de sua liberdade.

FONTE: Sputnik Brasil
Link Notícia

Leia também